segunda-feira, 26 de novembro de 2007

RESTA UM – por Rodrigo Curty

O Campeonato Brasileiro de 2007 conheceu ontem mais dois integrantes da Taça Libertadores da América 2008. O Santos conquistou a vaga de forma emocionante no Durival de Brito, após estar atrás no placar até os 27’ do segundo tempo.

O Paraná que já se considerava vencedor e respirando um pouco mais na Série A teve que se render a recuperação incrível do time da Vila e da noite inspirada e implacável do atacante Kleber Pereira. O atacante que foi contratado para arrumar um setor problemático do time, fez a diferença na hora certa. Foram três gols em menos de 10’.

Parabéns ao peixe que deve ter mudanças no ano que vem. Luxemburgo é quase nome certo para sair. Talvez se baixar o salário e ganhar o que a torcida realmente espera. É aguardar pra ver.

“Raça, amor e paixão!!” Essa foi a tônica para o mais – querido voltar a competição mais importante da América. A torcida que ressuscitou a velha mística de jogar junto com o time foi sem dúvida determinante para essa concretização.

Vale dizer que essa força junto com as contratações de jogadores como Fábio Luciano, um líder nato, Ibson o grande talento no meio campo e jogadores que também ajudaram de alguma forma como Cristian, Maxi e Roger, construíram um grupo bem comandado pelo “Prancheta Mágica”, Joel Natalino Santana.

O time que já contava com bons jogadores como os belos laterais Leonardo Moura e Juan, a determinação de Angelim e um ataque com o não tão brilhante nesse campeonato, mas decisivo nas horas certas Souza deve se reforçar para tentar conquistar vôos maiores em 2008.

Parabéns ao Mengão que era tido por muitos como um sério candidato ao rebaixamento.

Mais ainda resta uma vaga para o grande torneio. O Palmeiras, time de melhor aproveitamento fora de casa no primeiro turno e que tropeçou nas horas erradas em casa no segundo como as derrotas para Sport e Juventude, deve mesmo assim ficar com a vaga, afinal somente depende de suas forças. Acredito que vença o Galo mineiro.

Ontem no jogo considerado como uma final contra o Inter RS, o verdão esteve mal, mas também foi prejudicado como tantos outros clubes nesse campeonato.
O time teve um gol legítimo de Makelele anulado, logo em seguida sofreu um gol após empurrão de Iarley em Dininho e depois dos dois a zero, segundo do atacante Fernandão no jogo, aliás, o gol de número 1000 do campeonato desse ano, só ficou o consolo do belo gol de bicicleta de Rodrigão.

Outros dois sonham com a vaga. O Cruzeiro pega o lanterna América de RN em casa e o Grêmio enfrenta o Corinthians talvez já mantido na elite no ano que vem.
É aguardar pra ver, mas a emoção da última rodada deve ficar por conta dos outros dois que caem para segundona.

Eu aposto em Goiás e Paraná apesar de há muito apertar a mesma tecla de que o Corinthians não cairia porque tem Finazzi. Nas duas últimas rodadas ele não joga. O futebol que sempre nos prega peças pode aprontar das suas. É aguardar!!