quarta-feira, 14 de maio de 2008

DUELOS DE TIRAR O FÔLEGO- Por Rodrigo Curty

O corinthiano está de alma lavada. A excelente vitória de 3x1 sobre o São Caetano, não só valeu a passagem para as semifinais da Copa do Brasil, como aos poucos ajuda o Corinthians a tirar a diferença do confronto contra o Azulão.

Agora é aguardar por outro alvinegro, Botafogo ou Atlético MG para quem sabe voltar a Libertadores da América. Nessa noite os dois clubes voltam a se enfrentar e a promessa é de que as bolas que não entraram no Mineirão, balance as redes do estádio Olímpico de Engenhão. Jogo sem favoritos.

Outro duelo de alvinegros acontece em Alagoas. O Vasco que terá Edmundo de volta e que goleou na primeira partida por 5x1, encara novamente o Corinthians. Milagre não acontece todo dia. Mas às vezes os deuses do futebol aprontam das suas.

Quem não quer surpresa é o torcedor do Internacional que pega o surpreendente Sport, na Ilha do Retiro. A vantagem de apenas 1 gol, conquistado na partida de ida, não é visto com uma super vantagem pelos colorados. Jogar no caldeirão é complicado até para os times considerados melhores, que diga o Palmeiras que foi eliminado, após goleada de 4x1.

Hoje também é dia de Libertadores da América. Um dos clássicos das quartas-de-final será entre os tricolores do eixo RJ/SP. Os dois times atravessam uma ótima fase e não dá para arriscar favoritos na partida do Morumbi. Se levar em consideração os duelos em mata-mata, o tricolor paulista leva a melhor, mas pelo torneio Internacional, é a primeira entre os clubes.
O São Paulo já tem uma história gloriosa no torneio, por outro lado o Fluminense quer continuar fazendo a sua, e quem sabe não se igualar aos rivais Flamengo e Vasco, os únicos campeões da Libertadores no Rio.

E hoje novamente Boca e Atlas se enfrentam. Visto com uma vantagem, o fato de não ter que jogar no temido La Bombonera, os mexicanos querem aprontar novamente contra os argentinos. Mas não será fácil, pois o estádio do Vélez, o acanhado, José Amalfitani, é tão temido quanto. Porém se o Boca vacilar hoje, arrisco dizer que cai nas quartas.

Amanhã saberemos a primeira parte da história e falamos dos outros jogos. Fique ligado!!