quarta-feira, 18 de junho de 2008

有難う - por Gustavo Cavalheiro

Calma, não estou louco (ainda!). Claro que muitos não conseguirão entender o título deste texto, mas vale a pena explicar: a palavra deste post é Arigatô.

Nada ainda? É OBRIGADO em japonês.
Hoje, 100 anos após a chegada ao Porto de Santos do Kasato Maru, navio japonês dos pioneiros da imigração japonesa no país, devemos agradecer o enriquecimento do povo nipônico no caldeirão da cultura brasileira e por que não dizer, no esporte também.
O japoneses e descendentes trouxeram pro Brasil suas tradiçoes, muito disciplina e o maior fruto desta mescla é o Judô brasileiro. Como homenagem eu listarei todos os medalhistas olímpicos do judô brasileiro:

Munique 1972
Shiaki Ishi - Bronze (Meio Pesado)
Los Angeles 1984
Douglas Vieira -Prata (Meio Pesado); Luís Onmura - Bronze (Leve) e Walter Carmona - Bronze (Médio)
Seul 1988
Aurélio Miguel - Ouro (Meio Pesado)
Barcelona 1992
Rogério Sampaio - Ouro (Meio leve)
Atlanta 1996
Henrique Guimarães - Bronze (Meio leve) e Aurélio Miguel - Bronze (Meio Pesado)
Sydney 2000
Thiago Camilo - Prata (Leve) e Carlos Honorato - Prata (Meio Pesado)
Atenas 2004
Leandro Guilheiro - Bronze (Leve) Flávio Canto - Bronze (Meio Médio)
Arigatô Nippon!
obrigado Japão!