segunda-feira, 2 de junho de 2008

RAIO X DA RODADA- Por Rodrigo Curty

O futebol mais uma vez foi a principal atração do fim-de-semana.

Jogos da Série A, Série B, Seleção Brasileira e amistosos Internacionais.

O destaque dessa rodada ficou por conta novamente do Corinthians que faz em campo o que a torcida pede nas arquibancadas “Não Pára, não pára, não pára...”. O timão segue 100% na Série B. Desse jeito o clube tem tudo para voltar a elite do futebol com algumas rodadas de antecedência.
A preocupação do time agora fica por conta da conquista da Copa do Brasil. E a parada não deve ser tão fácil. O Sport está bem equilibrado e quer o título inédito, mesmo porque, decidirá em casa.

Outros paulistas na rodada – o clássico San-São ficou longe do esperado. Um 0x0 que demonstra que os dois times seguem sem empolgação, e que precisam entender que o passado não volta mais, e o presente pode render bons frutos. Já o Palmeiras, mesmo jogando mal, conseguiu derrotar o Atlético PR por 1x0. Resultado magro, mas que vale três pontos na tabela, e em campeonato de pontos corridos, é o que importa.

No Rio de Janeiro, quem vem bem nesse começo de campeonato é o Flamengo. Fazia tempo que o rubro-negro não iniciava tão bem o Brasileirão. É aguardar e ver se com as saídas de jogadores importantes no meio do ano, o fôlego será mantido.
O Fluminense está em uma situação terrível na competição. O foco dos tricolores não poderia ser outro, é a Libertadores. O sonho de conquistar a América, nunca esteve tão próximo das Laranjeiras. No brasileiro, alguém dúvida que o time crescerá, após o torneio Internacional?

No Vasco da Gama, apesar de ter um time considerado limitado, conta com o seu estádio São Januário, como um fator importante para pelo menos se manter entre os dez melhores do país. O time possui um bom lateral direito e jogadores como Edmundo, Moraes, Leandro Amaral e o valente Jean. Todo cuidado é pouco.

Mas e o Botafogo? O alvinegro precisa entrar novamente nos eixos. O que falta ao glorioso é equilíbrio emocional. Ontem contra o Náutico, pior que a goleada de 3x0, foi a atitude do zagueiro André Luis. Não justifica, porém, a reação violenta dos policiais de Recife que agrediram até o presidente do clube, Bebeto de Freitas. Força Fogão!! E parabéns a equipe do Timbú.

Em Minas, o Cruzeiro segue forte e apresentando um bom futebol. Deve ter perdas consideráveis no meio do ano, por isso, quer fazer a chamada “gordura”. O Galo conseguiu derrotar a Portuguesa e começa a respirar na competição. Já a Lusa...

No Sul do país - Inter e Grêmio precisam abrir os olhos. Principalmente o Colorado, que não vem bem e agora perdeu o comando de Abelão.
Figueirense e Atlético Pr precisam acordar. O Coxa vem bem, mas até quando se manterá?

Outros clubes – Ipatinga, Vitória e Goiás devem sofrer para se manterem na elite de 2009.

Para finalizar, a Seleção. Um jogo longe das expectativas do torcedor brasileiro. O Dunga precisa entender que o caneco olímpico é muito importante para o país. E jogar e sofrer para ganhar do Canadá, bem, sem comentários.

Um abraço e até amanhã com os esportes de velocidade.