terça-feira, 15 de julho de 2008

CORRIDAS E VITÓRIAS, BOATOS E RUMORES - por Diego Senra

Essa semana, muitas coisas para serem ditas, portanto vários drops pra vocês:

Vamos começar hoje com a melhor notícia do último fim de semana: a piloto Bia Figueiredo venceu a etapa de Nashville pela Indy Lights, se tornando a primeira mulher a ganhar uma corrida da categoria e a primeira piloto brasileira a vencer no exterior. Bia começou a carreira muito cedo no kart e já tinha passagens pela F-Renault e F3 Sudam. Ela já vinha beliscando essa vitória com alguns segundos e terceiros lugares esse ano, atualmente está na terceira posição no campeonato e desponta como uma das favoritas ao título em sua temporada de estréia.

Na F1, o caldeirão de boatos ferve. O melhor deles é a ida de Alonso para a Ferrari, por conta do patrocínio do Santander. Falou-se muito que a transferência seria já em 2009, no lugar de Massa, que fez o feio em Silvestone. Mas logo o Santander se adiantou em esclarecer que tem um acordo vigente com a McLaren até 2009 e só deve ir para a Ferrari em 2010. Mas até lá, tudo pode mudar. Até o Raikkonen diz que pode se aposentar.

E para 2009, o grande coringa parece ser mesmo Alonso, que não deve continuar na Renault. Mas como a vaga na Ferrari só abre em 2010, Alonso precisa de um cockpit competitivo pra esperar até lá. Com a aposentadoria iminente de Coulthard, abre-se uma vaga na Red Bull. Mas é pouco provável, devendo ser preenchida por Sebastian Vettel. O destino mais plausível deve ser mesmo a Honda no lugar de Jenson Button, já que Barrichello vai se garantindo por mais um ano com a ida da Petrobrás para a equipe, o desempenho crescente e o pódio conquistado em Silverstone. Para Alonso, a Honda deve oferecer um caminhão de dinheiro, manter um budget astronômico para a equipe e ainda manter o gênio Ross Brown garantindo um bom uso de toda a verba.

Essa semana tem o GP de Hockenheim, na Alemanha, circuito que tradicionalmente recebe bem os brasileiros. Uma de cada quatro corridas que aconteceram lá, foram vencidas por nós, mais do que qualquer outra nacionalidade. Rubens Barrichello já ganhou lá (em 2000), Senna ganhou mais três e um certo Nelson Piquet ganhou outras três vezes. E agora seria uma ótima oportunidade para que os atuais brasileiros na F1 mostrassem força. Massa precisa de um bom resultado, de preferência melhor que o de Raikkonen, para tentar ser a escolha interna da Ferrari rumo ao título. E sobre o outro Nelson Piquet, é bom que ele mantenha o ritmo de crescimento, já que o diretor esportivo da Renault veio a público dizer que não anda nada satisfeito com o rendimento da equipe e de seus pilotos.

A F3 Sudam, que chegou em Interlagos para realizar a 300ª. corrida de sua história, teve no sábado a vitória do piloto Pedro Nunes disparando no campeonato e mostrando o domínio da equipe Cesário Fórmula e seus quatro carros. O título de 2008 dará ao campeão um teste na Indy Lights. Na corrida 301 no domingo, um acidente prejudicou os lideres do campeonato, abrindo caminho para uma vitória de Nelson Merlo, na última corrida da equipe Bassani, que muda de nome e passa a se chamar RC3. Também esteve em São Paulo o francês Bertrand Decoster, proprietário da Mygale, empresa que constrói carros monopostos e está disposto a participar da concorrência com a Dallara para o fornecimento de carros e peças para a renovação da categoria em 2009. É o interesse da indústria na F-3 mais rápida do mundo.

Na etapa de Interlagos da GT3, os Ford-GT conquistaram as duas poles do fim de semana, mesmo com 140 kg. de lastro. Mas nas corridas, o favoritismo não se confirmou. No sábado, Xandy Negrão bateu em um retardatário, deixando a corrida cair no colo da dupla Ingo Hoffmann/Paulo Bonifácio. Domingo, líder e vice-líder do campeonato bateram numa disputa de posição e transformaram a corrida numa Viper League, que fez a primeira dobradinha de uma equipe na categoria com Alceu Feldmann/Lico Kaesemodel vencendo e os irmãos Ebrahim em segundo lugar.

E depois de tudo, duas notas tristes da semana:

Primeiro, o falecimento do engenheiro de pista Alex Castilho. Ele morreu na última quarta-feira vítima de um acidente automobilístico na rodovia Régis Bittencourt, vindo de Curitiba pra São Paulo, onde disputaria a etapa da GT3 no staff da equipe de Ingo/Boni. Conheci o Castilho na F3 Sudam, na época que ele era proprietário da Piquet Sports na fase pós-Xandinho Negrão. Ganhou vários títulos na categoria e era conhecido como um dos melhores e mais competentes profissionais do automobilismo nacional. Desejo força para família e amigos.

Segundo, é o abandono prolongado do Jacarepaguá. Depois do desmantelamento do autódromo pelo Pan do Rio, a CBA assinou acordo com o COB, a Prefeitura do Rio e o Ministério do Esporte que prevê a construção de um novo autódromo em Deodoro, área militar na zona oeste do Rio. Contudo esse autódromo só deverá ser construído caso o Rio seja escolhido como sede das Olimpíadas de 2016. Caso contrário, a prefeitura deverá efetuar obras no sentido de reativar o autódromo atual, mantendo as estruturas construídas pelo Pan. E, pasmem, nada vai ser feito antes da definição da cidade-sede pelo COI, que só deve sair em outubro de 2009. Até lá, tudo fica como está. Largado!

APOSTA DA SEMANA:

Nem vou falar nada sobre a aposta da ultima semana. Papelão!! No Futebol até que fui bem...menos quando apostei no Palmeiras, que deu uma bambiada frente ao São Paulo. Essa semana vou tentar fazer um “safe play”. Em Hockenheim, dá Massa, Hamilton e Raikkonen. E pra vocês, como vai ser a trifeta?