segunda-feira, 17 de agosto de 2009

SORRISOS, TRISTEZAS E MUDANÇAS NA TABELA - Por Rodrigo Curty

A 19ª rodada do campeonato brasileiro, da Série A, foi eletrizante e com surpresas.

No sábado, o Palmeiras com 37 ponntos voltou a tropeçar. O empate de 1x1 com o Botafogo que estreava o técnico Estevam Soares, ex Barueri, foi o terceiro seguido e já começa a preocupar os torcedores, apesar da liderança ainda estar mantida.

Já o Santo André perdeu mais uma. Dessa vez, o algoz foi o Internacional que se vencer as duas partidas que ainda faltam para completar as dezenove partidas fecha o primeiro turno como campeão simbólico.

E o surpreendente Avaí que não perde há nove partidas venceu mais uma. Pior para o Náutico que vinha de duas vitórias e ainda segue na zonna de rebaixamento.

Nos confrontos de domingo o corinthiano voltou a sorrir. A vitória de 2x0 sobre o Atlético MG, trás de volta a tranqüilidade ao Parque São Jorge. Fazia cinco jogos que o Corinthians não triunfava e três que não marcava.

No Olímpico, Grêmio e Flamengo fizeram um belo jogo, melhor para o tricolor gaúcho que derrotou os rubro-negros com uma sonora goleada de 4x1. Adriano e Emerson perderam gols na frente da muralha Vítor, logo a máxima prevaleceu na partida: quem não faz, leva.

O mesmo não se pode dizer do Goiás que venceu mais uma. E olha que o Vitória bem que complicou e merecia melhor sorte. Perdia por 2x0, conseguiu o empate, pressiono, perdeu gols atrás de gols e vacilou com os laterais Vitor e Júlio César. Um cruzou e o outro decretou o placar de 3x2 que mantém o Esmeraldino na segunda colocação com 35 pontos.

O Fluminense perdeu mais uma. O Coritiba fez um estrago no Maracanã. Vitória por 3x1 que tira o Coxa da degola e afunda ainda mais o tricolor. No ano passado o Ipatinga no final do 1º turno tinha apenas 16 pontos e caiu. O Flu tem hoje 15 e deve ficar esperto.

O mesmo digo do Sport Recife que não suportou a qualidade técnica do São Paulo que conquistou a 6ª vitória seguida. Olho no tricolor torcedor e pilhas para a lanterna do leão da Ilha.

Hoje quem sorri a toa é o Atlético PR. O Furacão, acredite, chegou a quarta vitória seguida, três sob o comando de Antônio Lopes. O futebol é repleto de surpresas. Pior para o Barueri que mostra a sua dependência com o fator casa e principalmente do ex comandante.

Por fim, no Mineirão, Cruzeiro e Santos não saíram do zero, graças aos seus arqueiros. Fábio e Felipe fizeram milagres. Pior para ambas as equipes que seguem em situação ruim no campeonato.

Boa semana a todos e até a próxima!!