segunda-feira, 25 de outubro de 2010

A ESTRELA DE UM TREINADOR - Por Rodrigo Curty

E o Brasileirão, Série A mais uma vez mudou de líder. Novamente o Fluminense assumi o posto mais alto da tabela. Possui os mesmos 54 pontos do Cruzeiro, mas com melhor saldo de gols. Haja equilibrio.

O retorno se deu ao fato da 31ª rodada ter sido repleta de surpresas. Tudo bem, é bem verdade que os times que tropeçaram jogaram clássicos, mas outros se deram bem por alguma razão. Vamos as análises.

O novo líder, o tricolor carioca buscou por duas vezes o empate contra o Atlético PR. 2x2, com direito a gol contra, gol irregular e penâlti mandrake. Coisas do futebol e melhor para quem tem um pé quente no banco como Muricy Ramalho que não gostou do resultado mesmo atuando fora. Mal sabia que os resultados das partidas de fundo o colocaria de volta a liderança.

Outro treinador que mostrou ter estrela é Tite. A missão de levar o Timão ao título no ano de seu Centenário não será nada fácil, mas convenhamos que vencer o clássico contra o maior rival, o Palmeiras dá uma tremenda moral. Eram sete partidas sem vencer e de quebra os três pontos conquistados deixa a equipe a apenas um da liderança e dizem por aí que se retomar a mesma não perde mais, será?

Liderança esta que também tem outras equipes correndo por fora. O então líder Cruzeiro foi surpreendido pelo Atlético MG. Cuca parece definitivamente não ter estrela quando mais precisa, já Dorival JR finalmente tirou o Galo da degola. A Raposa levou três gols de Obina em apenas 30'. Perdeu penâlti com Montillo, diminuiu e levou o quarto gol. Coisas de clássico mineiro. O time azul ainda marcou mais dois gols, mas ja era tarde, porém para o título, as chances ainda são bem reais.

Quem vem logo abaixo e sonha com novos tropeços dos líderes e belisque o caneco é o Internacional. ontem quando parecia que a estrela de Renato Gaúcho voltaria a brilhar, a de Celso Roth a ofuscou. Gre-Nal 2x2 e Colorado seis pontos do Flu. O tricolor gaúcho ainda sonha com Libertadores e pode sim chegar.
E o Santos? O Peixe na teoria tem a tabela mais tranquila dos que lutam pelo título. Ontem poderia ficar a apenas três pontos, disse poderia, pois irreconhecível e de salto alto deu um presente de grego ao seu maior Rei, aliás Rei do futebol Pelé. 3x2 Prudente de virada. Coisas do futebol.
Outro que corre por fora, mas como tremendo azarão é o Botafogo. A equipe da Estrela Solitária junto com o Vasco foi a que mais empatou, 15 no total, e agora paga caro pelos tropeços.
Vamos aguardar nestas últimas sete rodadas para ver qual técnico terá a competência e a estrela mais em dia. Até a próxima!!