quinta-feira, 7 de outubro de 2010

MEDO DO TÍTULO - Por Rodrigo Curty

E a 28ª rodada do Brasileirão para variar mostrou tropeços inesperados. Na parte de cima, desta vez foi o Corinthians que não se aproveitou do vacilo do Fluminense. Este medo de título dos times da parte de cima pode apresentar ainda mais surpresas e um campeão inesperado no final do torneio como foi o Flamengo no ano passado.
VACILOS:
O tricolor carioca mais uma vez vacilou diante de sua torcida. E não é que o time de Muricy Ramalho definitivamente não vai bem contra os paulistas? Recentemente empatou com o Palmeiras, perdeu do Corinthians, tropeçou contra o laterna Grêmio Prudente. É bem verdade que apesar disto ainda segue na liderança. Mas a sorte uma hora acaba.
Sorte esta que vira e mexe foge das mãos do Corinthians que não se aproveita dos vacilos do líder. Ontem foi a vez do Timão cair diante do Atlético MG que está bem próximo de sair da degola. O time de Adilson Batista depois de bater o Santos na Vila Belmiro só vai mal contra os alvinegros. Empatou contra o Botafogo, Ceará e agora cai diante do Galo. Pontos perdidos inesperadamente e que podem fazer falta na frente. O próximo duelo de alvinegros será contra o Vasco fora de casa.
Para demonstrar que não tem medo de título, o Cruzeiro tem uma grande chance de ficar um ponto da primeira posição. Para isso, basta vencer o desesperado Goiás, fora de casa nesta noite. Difícil mais não impossível. Difícil é lamentar os dois pontos perdidos em casa contra o Furacão.
E o Internacional. Bem, na verdade a sina que persegue Celso Roth de fazer bons trabalhos apenas no início vem se comprovando. O Colorado podia se aproximar dos líderes, mas faltou calma e elenco contra o Ceará que respira ainda mais com a vitória magra de 1x0.
Hoje o Palmeiras recebe o Avaí no amaldiçoado Pacaembú. O verdão perdeu pontos importantes no estádio da capital paulista, e sabe que os próximos três pontos o colocam de vez na briga por uma vaga na Libertadores. Libertdaores está que passa longe da Gavéa. O Flamengo promete atacar o Atlético GO, em Volta Redonda na reestréia de Luxemburgo no comando.O objetivo é permanência na elite em 2011.
Destaques finais das partidas de ontem ficam pela boa estréia de Carpegiani no São Paulo, a queda inesperada do Botafogo, o tropeço em casa do Atlético PR contra o ajustado e valente Vasco da Gama, e claro, para o ressurgimento definitivo do Grêmio de Renato Gaúcho que chegou a quarta vitória seguida e que não para de subir na tabela. Como é o futebol.
Até a próxima!!