segunda-feira, 30 de maio de 2011

SÓ NOME NÃO GANHA JOGO - Por Rodrigo Curty

E a segunda rodada do Brasileirão, Série A nos deixou algumas questões a serem pensadas. Antes do início do torneio, equipes como Cruzeiro, Internacional e Santos eram dadas como grandes favoritas ao título deste ano. Já São Paulo, Corinthians, Flamengo e Fluminense vinham logo atrás. Por sua vez, Coritiba, Vasco, Grêmio, Atlético MG e Palmeiras poderiam surpreender, mas não eram vistos como os melhores.

Tudo bem que estamos no início da competição, e sabemos que muita coisa vai mudar, porém, neste ano, eu acredito que aquele que conseguir a tal gordura nas quinze primeiras rodadas, dificilmente ficará de fora da Libertadores, e isso independe do nome da equipe. O motivo é simples, os times se equivalem. Por isso, é bom a Raposa e o Colorado começarem a jogar bola. O Peixe ainda tem um desconto, uma vez que foca na competição Internacional.

De volta ao Brasileirão, nesta rodada destaque mais uma vez para São Paulo, Atlético MG, Corinthians e Vasco. Os quatro seguem com 100% de aproveitamento. O tricolor joga mal, mas vence. O Galo mostra regularidade e força tática como as bolas paradas. O Timão também não empolga, mas aos poucos se entrosa mais. Já o Cruzmaltino mostra que os reservas resolvem.

Logo atrás na tabela vem o Flamengo. O rubro-negro mostrou deficiência técnica, errou passes e não soube aproveitar o fato de ter um jogador a mais. Cedeu o empate em 3x3 para o Bahia de Jobson. Já o palmeirense agradece hoje o golaço de Luan e as defesas de Marcos para se manter entre os primeiros.

O atual campeão venceu o Atlético GO. Abel Braga espera chegar sem muita pressão. Pressão esta que incomoda a dupla parananese de Coxa e Furacão. O primeiro espera não vacilar na final da Copa do Brasil para ganhar moral, o segundo reencontrar o bom momento, inclusive nos jogos em casa.

Muita coisa ainda vai rolar, mas quanto mais tarde para cair na real, mas difícil será a sobrevivência no final do ano.

Até a próxima!