quarta-feira, 21 de setembro de 2011

PRESSÃO E SOLUÇÃO - Por Rodrigo Curty

E a 25ª rodada desta noite do brasileirão será emocionante e decisiva para as equipes que brigam na parte de baixo e de cima da tabela. Ansiedade, pressão, risco e sorte serão essenciais para a maioria.

O destaque sem sombra de dúvida é para o duelo entre São Paulo e Corinthians. Situações diferentes apimentam o jogão no Morumbi. O tricolor não vem atuando bem, mas soma pontos importantes. Repare que normalmente o time sofre pressão e desperta principalmente apenas na etapa final. Conta com um banco de soluções. Entre os nomes está o de Rivaldo que sempre entra bem.

Do lado do Timão é o inverso. A equipe voa, mostra grande preparo físico, mas não sabe lidar com a cobrança e pressão dos seus torcedores. Após 17 rodadas, o alvinegro perdeu a liderança. Para piorar hoje ainda corre o risco, em caso de novo tropeço, de perder seu comandante. Sinceramente não acredito nisso, afinal na história o São Paulo já derrubou 15 técnicos do Timão, entre eles o próprio Tite, em 2005. Por que daria este novo sabor? É bem verdade que o treinador foi audacioso. Sacou seu capitão Chicão da partida. Wallace será o substituto. Isso sem falar que o time hoje não terá lateral esquerdo de ofício. A favor do Timão um tabu. Não perde no estádio para o rival desde 2007. De lá pra cá foram sete jogos com quatro vitórias e três empates. Este, aliás é o meu palpite.

Outras partidas importantes movimentam a rodada. O Vasco encara o Atlético GO e deve aumentar a sua vantagem perante os rivais. O quarto colocado Botafogo não costuma ir bem fora. Terá o Grêmio e isso não deve mudar, pelo menos por enquanto. Desta forma, existe a chance de Fluminense que encara o Avaí e o Flamengo que terá o também desesperado Atlético MG pela frente de encostar nos líderes.

Vale ficar de olho no Internacional, que mesmo fora deve surpreender o Figueirense, e no Santos que também deve triunfar sobre o lanterna América MG.

Dos que lutam contra a parte de baixo, aposto em vitórias do Bahia e Palmeiras, e derrotas do Atlético PR, Cruzeiro e Ceará.

Até a próxima!