quarta-feira, 2 de novembro de 2011

LIÇÃO DE CASA - Por Rodrigo Curty

E hoje a bola vai rolar pela Copa Sul-Americana. O Brasil conta apenas com um representante. Depois da eliminação de São Paulo, Botafogo e Flamengo, o Vasco terá a missão de manter o país na disputa do torneio.

O adversário é o Universitário do Peru. A equipe peruana, diga-se de passagem atravessa um péssimo momento no campeonato local e também em sua administração. Devendo salários há cinco meses, e vivendo a sua maior crise finaceira, isso sem falar da ameaça de greve de jogadores, a partida de hoje é tida como uma verdaeira decisão e início de uma nova "Era".

Para se ter uma ideia, na última partida do campeonato peruano, o "La U", como é conhecido foi a Cuzco com uma equipe formada por juniores que haviam participado da partida preliminar. O placar foi de 3x0 contra, com direito a serem chamados de "irresponsáveis", uma vez que atuaram apenas com nove jogadores. A crise não para. O "La U" também perdeu três pontos no "tapetão" em função de irregularidades no empate com o Alianza Atlético. Se já não bastasse, no Campeonato Peruano, o Universitario, ocupa a 9ª colocação, a 21 pontos do líder e a 7 pontos da zona de rebaixamento. Tradição sendo jogada terra abaixo.

Mas cá entre nós, o Vasco não tem nada a ver com estes problemas, muito pelo contrário, na verdade deve saber tirar proveito. E para não ter que buscar novamente a classificação em casa, independente de Cristovão Borges utilizar apenas três titulares hoje (Fernando Prass, Fagner e Diego Souza), mas também terá peças importantes como Bernardo e Alecssandro. A inteligência deve ser usada, pois um desgaste hoje pode atrapalhar a equipe na reta final do Brasileirão, onde busca um tírulo que não vem desde 2000.

Anote aí. A bola para ver quem fará melhor a lição de casa rola às 21h50.

Até a próxima!