terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

ESTREIA PARA OFUSCAR OS PROBLEMAS - Por Rodrigo Curty

E hoje será dado o pontapé inicial para a Seleção Brasileira de Futebol. A crise que ronda a maior entidade do futebol no país, a CBF mesmo em ruínas quer provar que está forte e que não deve nada para a maior força de todas a FIFA. É importante não deixar que os escandâ-los sejam esquecidos, e que nomes com credibilidade assumam o papel, que há tempos não fazem o Brasil ser algo legal para ser visto e comemorado em campo. Por isso entendo que a maioria da população nacional não está nem aí para a Seleção Brasileira, e que prefere os estaduais, e consequentemente os clássicos. Você concorda?

Mas vamos a partida inaugural de 2012. O adversário será a Bósnia. O local, a gelada e maravilhosa Suíça. O técnico Mano Menezes novamente colocará em campo a base que entende ser a espinha dorsal para os compromissos como as Olimpíadas, em Londres e também a Copa do Mundo de 2014, aqui no Brasil.

Novidade fora das quatro linhas será o novo uniforme. Canarinho no peito e carranca na gola para espantar a má sorte. Dentro de campo, destaque para a volta de Julio César no gol, da nova oportunidade para os meias Hernanes e Sandro, e no ataque formado por Ronaldinho Gaúcho, Leandro Damião e Neymar.

A partida está prevista para começar às 16h (de Brasília), na AFG Arena, em St. Gallen, na Suíça, e a Seleção entra em campo com: Julio César, Daniel Alves, David Luiz, Thiago Silva e Marcelo; Sandro, Fernandinho e Hernanes; Ronaldinho Gaúcho, Neymar e Leandro Damião.

É guardar pra ver se será uma tarde fria, porém de chocolate ou decepção e dor de cabeça para o treinador. E lembre-se: Não vale a pena se iludir.

Até a próxima!