domingo, 5 de fevereiro de 2012

O CRAQUE DE 20 ANOS - Por Rodrigo Curty

E hoje um dos maiores craques dos últimos tempos completa mais um ano de vida. Falo de Neymar da Silva Santos Júnior, um jogador diferenciado que já passou por quase tudo, em tão pouco tempo de carreira. Longe de querer comparar com outros monstros que já passaram desta faixa de idade como Pelé, Maradona e Lionel Messi, por exemplo, e muito menos traçar diferenciais de cada um, mesmo porque, em muitos casos, o futebol era jogado de outra maneira.

Mas vamos falar de Neymar. O jogador que é natural de Mogi das Cruzes(SP) tem 1,74 e pesa 65kg. Já marcou mais de 80 gols com a camisa do Santos, e em apenas duas décadas de vida já conta em seu currículo com quatro títulos na equipe da Vila Belmiro, sendo o último, a Copa Libertadores 2011. Neymar vestiu a amarelinha em 15 oportunidades e marcou oito gols.

O jogador em tão pouco tempo de carreira e vida já protagonizou momentos históricos dentro e fora do campo. Nas quatro linhas teve problemas com Vanderlei Luxemburgo. O treinador pedia paciência aos torcedores e a imprensa com a então promessa, e chegou até a declarar que o craque era muito fininho, que não aguentava o choque e parecia um filé de borboleta. Outro comportamento que para muitos era de um jogador mascarado foi no fim de 2010. Como não se lembrar da discussão que teve com o então treinador santista Dorival Jr, por ter negado o camisa 11 de bater a penalidade contra o Atlético GO? O técnico rubro-negro era René Simões que afirmou nunca ter visto um jogador tão mal -educado e que o Brasil estava criando um monstro.

Mas nada como um dia após o outro. O menino teve que virar homem antes do previsto. Teve um 2011 maravilhoso, virou pai e não para de ter patrocinadores e interessados em seu futebol. É ídolo não apenas dos torcedores santistas e também uma das maiores esperanças de títulos pela Seleção Brasileira.

A comemoração para o torcedor santista tem tudo para se tornar ainda mais especial para o camisa 11. É que quis o destino que no dia de seu aniversário, o adversário fosse um de seus maiores algozes. O Palmeiras. Desde 2009, com Neymar em campo, o clássico foi jogado oito vezes, com duas vitórias do Santos, quatro derrotas e dois empates. Será que a cidade de Presidente Prudente dará sorte ao aniversariante do dia? De quebra ele busca o centésimo gol. É aguardar pra ver.