quinta-feira, 17 de maio de 2012

BALANÇO DA QUARTA-FEIRA - Por Rodrigo Curty

A rodada da Copa do Brasil e da Copa Santander Libertadores ficou longe de ser repleta de gols e empolgante, mas ficou bem próximo do esperado.
Pelo caminho mais curto para se chegar ao torneio internacional, o Palmeiras arrancou um importante empate por 2x2 contra o Atlético PR. Destaque negativo do jogo foi a péssima arbitragem. O Brasileirão promete fortes emoções também neste quesito.
O São Paulo fez a lição de casa. Derrotou o Goiás, no Morumbi por 2x0. O placar não foi bem um retrato da partida, uma vez que o Esmeraldino cansou de perder gols, porém o tricolor mereceu a vitória pelo que aproveitou, e por isso deve avançar sem problemas para encarar o Coritiba. Sim, o Coxa empatou sem gols com o Vitória em partida destacada pelos goleiros. No Couto Pereira deve atropelar. Vamos aguardar.  Hoje a rodada das quartas-de-finais se encerra com o Bahia recebendo o Grêmio. No duelo de tricolores deve dar empate.
Pela Libertadores, o Vasco recebeu o Corinthians, em São Januário. A chuva, gramado e o esquema tático de ambas as equipes não poderia resultar em outro placar que não fosse o 0x0. Jogo truncado, nervoso, e com poucas chances reais para cada lado. Quando exigidos Cássio e Fernando Prass deram conta do recado. No Pacaembu, a expectativa é de um jogo novamente equilibrado, porém com gols e os times correndo o quanto antes atrás da classificação.
No Paraguai, o Libertad não conseguiu bater a bela equipe da La U. Os chilenos arrancaram um empate por 1x1 e devem carimbar a passagem à próxima fase sem problemas. 
Hoje a bola rola pela sequencia do torneio. O Boca Jrs encara o Fluminense. Ambos já mediram forças na fase de grupos, mas agora a derrota gera a eliminação. Aposto em vitória argentina, principalmente pelo fator campo e os desfalques importantes de Deco, Wellington Nem e Fred do tricolor carioca.
Também na Argentina, o estádio José Amalfitani, o Santos vai pra cima do Vélez Sarsfield. O Peixe nunca conseguiu derrotar a equipe argentina. Em três duelos foram dois empates e uma derrota. O momento dos comandados de Muricy Ramalho é brilhante, principalmente o futebol apresentado por Neymar. Libertadores é um outro campeonato, desta forma, é bom o torcedor da Vila Belmiro ficar mais paciente e não cobrar um futebol bonito. Aqui vale mais a técnica na hora que der e a garra nos 90 minutos. Jogar feio muitas das vezes é melhor que encantar. Promessa de jogo duro e equilibrado no estádio que estreia nova iluminação.

Até a próxima!