sexta-feira, 25 de outubro de 2013

ESMERALDINO PASSA COM ERRO CRUCIAL - Por Rodrigo Curty



E foi definida a última vaga para as semifinais da Copa do Brasil. Vasco e Goiás fizeram uma partida empolgante. O time carioca esteve repleto de garotos, pois deixou claro que o foco de momento é lutar pela permanência na Elite do futebol nacional, do outro lado o time goiano queria um presente para o Estado que comemorava 80 anos de vida.
Longe do que muitos esperavam, o Vasco começou arrasador e de cara abriu 1x0 com a revelação Thalles. Como no primeiro duelo, a vitória foi do Esmeraldino por 2x1, este resultado classificava o time da casa. Mas o negócio estava cada vez melhor. Veio o segundo gol, novamente com Thalles e mais pressão, porém a máxima de quem não faz leva entrou em campo. O Goiás marcou seu primeiro gol com Hugo, após bela assistência de Walter.
O resultado levava a decisão para as penalidades, mas o Vasco até chegou a marcar o terceiro gol com Luan antes do intervalo, o problema é que foi muito mal anulado. Esse lance seria crucial para a sequência e definição da partida.Independente de entendermos que o "se" não entra em campo, impossível não acreditar na classificação carioca se a partida já estivesse 3x1. o futebol jamais deixará de ser negócio, mas isso é um outro assunto, que prometo comentar em breve.
Na segunda etapa, o que se viu foi uma partida mais aberta. O Cruzmaltino foi logo atrás do terceiro gol, mas acabou levando o empate. O tempo ia passando, a torcida empurrando e nada do gol, ou melhor, o time carioca precisava de mais dois. O jogo se tornou cada vez mais eletrizante, após o terceiro gol vascaíno, o tempo passou ainda mais rápido, Renan foi exigido e gols foram perdidos.
No fim valeu a luta, a torcida vascaína reconheceu o empenho, se enfureceu com o gol anulado e ver a vaga  nas mãos do visitante, que diga-se de passagem mereceu a classificação pela postura, frieza e determinação mostrada no duelo. Agora o adversário será mais um carioca. Desta vez o embalado Flamengo. A promessa é de dois grandes jogos, o primeiro já na semana que vem em Goiânia.
Depois eu conto.
Até a próxima!