sábado, 24 de maio de 2014

UMA FESTA PORTUGUESA - Por Rodrigo Curty

A cidade de Lisboa vive há mais de uma semana a expectativa de sediar a grande final da Copa dos Campeões da Europa. A festa será portuguesa com certeza, uma vez que a cidade não conta com mais espaços em seus hotéis, bares e restaurantes. A organização foi impecável e serve de exemplo para países como o Brasil que ainda engatinha para realizar a Copa do Mundo, de como é simples fazer as coisas bem feitas.
Considerado como o maior torneio de todos os tempos, o que não tem como discordar, a decisão terá como protagonistas os dois times de Madrid, o Real e o Atlético, no belo estádio da Luz.
Como se não bastasse, os duelos das duas equipes no ano foram emocionantes. Quatro confrontos com três vitórias dos merengues e apenas uma dos colchoneros. Para quem gosta de números, no confronto geral das duas equipes, a vantagem do Real é estrondosa: 264 jogos, com 143 vitórias merengues e 64 colchoneras. 
Se a bola no mundo não encanta como antigamente, se para muitos e eu me incluo nisso avalia que o melhor futebol do mundo é jogado na Inglaterra, porém entende que é na Alemanha que ainda está o considerado melhor time de todos, o fato é que hoje todos se rendem ao futebol espanhol, onde a bola corre demais e a técnica muita das vezes perde pela euforia e a vontade de ganhar a qualquer custo. 
Por isso, a expectativa é de um belo jogo na decisão onde estarão frente a frente uma equipe que adora fazer gols e que conta não apenas com o melhor jogador do Mundo, mas com vários que fazem a diferença no ano como Bale, Di María e Benzema e, outra que conta com um comando que valoriza demais seu exército com motivações de que o que vale quando se entra na batalha é "ganhar, ganhar, ganhar". Isso sem falar da sólida defesa e obediência tática. Diego Simeone não é idolatrado à toa e conhece futebol. Conta com o excelente goleiro Courtouis, meio de velocidade e ataque que dificilmente desperdiça as chances que cria com o "matador" Diego Costa(dúvida para hoje). É um time paciente e que sabe dar o bote na hora certa. De quebra ainda tirou a hegemonia de seu rival e do Barcelona na Liga Espanhola com propriedade.
As campanhas de ambas as equipes na Champions merecem respeito. O Real Madrid venceu 10, empatou uma e sofreu apenas uma derrota. Marcou 37 gols e sofreu 9. Considerando apenas a partir das oitavas de final, foram eliminadas três forças do futebol alemão: Schalke 04, Borussia Dortmund e o poderoso Bayern de Munique. Tem tudo para levantar a tão sonhada "La Décima"taça da história.
Já o Atlético, em caso de conquista inédita hoje, de quebra terá feito a melhor campanha da história do torneio. Invicto o bravo time de cores vermelho, branco e azul venceu nove partidas e empatou três, marcou 25 gols e sofreu apenas seis. Deixou para trás consagradas equipes como Milan, Barcelona e Chelsea. 
Mistérios a parte, Simeone e Ancelotti não revelaram as escalações, mas é bem provável que tenhamos as seguintes equipes. Real Madrid: Casillas, Carvajal, Sergio Ramos, Varane (Pepe) e Fabio Coentrão; Illarramendi, Modric e Di María; Bale, Benzema (Isco) e Cristiano Ronaldo. Atlético:  Courtois, Juanfran, Miranda, Godin e FIlipe Luís; Mario Suarez, Gabi, Koke e Arda Turan (Raul Garcia); Villa e Diego Costa (Adrián)
Faça a sua aposta, vence o melhor ataque ou reina a melhor defesa? Independente do que aconteça, a única certeza é que a cidade de Madrid é hoje a capital do futebol e é em Lisboa que será feita a grande festa. 
Então prepare seu ambiente e curta o melhor futebol do mundo.
Até a próxima!