sexta-feira, 26 de setembro de 2014

MUDANÇAS NO BRASILEIRÃO - Por Rodrigo Curty


O final de semana promete mudanças na tabela do Brasleirão, série A. A expectativa é de que pelo menos, nessa rodada a arbitragem não comprometa o placar final. É ficar de olho em bola na mão e impedimentos inexistentes. O torneio precisa retomar sua credibilidade. Vamos aos jogos.
Na parte de cima, o líder Cruzeiro terá uma partida complicada contra o Sport Recife, que ainda sonha com o G4. A maratona de jogos complica as equipes, mas o Cruzeiro já sinalizou que o rendimento já não é mais o mesmo, por causa deste fator, será?
Em Chapecó, o classico entre Chapecoense e Criciúma deverá ser eletrizante. O primeiro faz bem a lição de casa de vencer em seus domínios, o segundo não consegue sair da degola.
No fim do sábado, o São Paulo terá o regular Fluminense no Morumbi. A expectativa é de que o quarteto fantástico, formado por Kaká, Pato, Ganso e Kardec volte a funcionar. Luis Fabiano segue como opção. No tricolor carioca, Fred é a esperança para voltar a vencer e retomar pelo menos o caminho da Libertadores. Jogo equilibrado e com expectativa de muitos gols.
 
Nas partidas de domingo, o Corinthians vai precisar provar que também tem força fora de casa. Vai encarar o Atlético PR que não vence há três partidas. Definitivamente o time de Mano Menezes não empolga e dá a segurança aos seus torcedores de que pode emplacar uma sequência de vitórias. Um tropeço tira o time do G4.
Quem espera se manter no grupo dos que se classificam ao torneio continental de 2015 é o Grêmio. Os comandados de Felipão não sabem o que é levar gols. Na última vez no Maracanã lotado, o tricolor passou pelo Flamengo. Desta vez, o adversário será o desfalcado Botafogo, que em crise financeira deverá sofrer para triunfar, sendo assim provavelmente voltará a se encontrar com o fantasma da degola.   
Em Salvador, mas precisamente na Arena Fonte Nova, que estará lotado, o Bahia precisará vencer o Flamengo para se afastar da degola e “ganhar” uma gordura para as duas próximas rodadas fora de casa. O rubro-negro, por sua vez, espera quebrar a sequência de três empates seguidos. Uma derrota fará o sinal de alerta voltar a acender.
Embalado no campeonato, o Atlético MG terá pela frente o Vitória, no Horto. Os baianos devem jogar pelo menos para um empate, mas é bom ter o cuidado com Tardelli e cia, que buscam o G4 e embalar cada vez mais na competição.
Nas partidas da noite, o desesperado Palmeiras terá pela frente a boa equipe do Figueirense. Jogar em Santa Catarina é complicado, mas se tiver calma e se souber se aproveitar das oportunidades, os comandos de Dorival Jr podem sair da zona de rebaixamento. Valdívia que será julgado na 2ªfeira, pelo pisão em Amaral, na partida contra o Flamengo, é a esperança de dias melhores, será?
No Pacaembu, o Santos vai com time misto contra o regular Goiás. O Peixe come pelas beiradas e tem uma boa garotada que tem tudo para dar certo, mas para isso será necessário paciência.
Por fim, o vice-líder Internacional receberá o Coritiba, na Arena Beira-Rio. O Colorado vai com tudo e se vencer, dependendo do resultado do Cruzeiro amanhã, a diferença diminuirá. Detalhe é que a próxima partida de ambos é o confronto na Arena Mineirão. Promessa de ser mais uma daquelas finais antecipadas.
Boa sorte a todos e até a próxima!