quarta-feira, 19 de novembro de 2014

BRASILEIRÃO DANDO ADEUS - Por Rodrigo Curty


O ano de 2014 está acabando e com ele as atividades esportivas. Foram tantas emoções em diversos esportes. Mundial de basquete, natação, disputas emocionantes no tênis, automobilismo com muito equilíbrio e claro, o futebol teve grande destaque com a Copa do Mundo, Copa dos campeões, entre outros torneios.
No Brasil, o Brasileirão ao meu ver ficou a desejar. Por mais que tenhamos um equilíbrio nessa reta final de Brasileirão, no qual vários clubes brigam por apenas duas vagas na libertadores e na parte inferior ainda segue indefinido os outros dois clubes que cairão com Criciúma e Bahia, o nível técnico precisa urgentemente melhorar.
Os clubes estão falidos, os estádios somente enchem com promoções, a violência em clássico ainda predomina, a TV comanda os horários e quem sofre é o torcedor, os sócios-torcedores que conseguem ingressos com antecedência correm o risco de não poder assistir o seu clube jogando em casa, pois a parte financeira pesa para que esses atuem em estádios consumados a virarem “elefantes brancos” como os de Manaus, Natal, Brasília e Cuiabá.
Na série B não é diferente. O nível é tão fraco, que nem mesmo o Vasco, o considerado gigante da competição no ano se sobressaiu. Por lá, Joinville e Ponte Preta são as sensações e acredite, o time mineiro do Boa Esporte luta para subir. Nada contra a competência dos que fizeram por onde, mas tudo leva a crer que a cada ano o torneio será menos atrativo. É necessário fazer algo urgente, não sei se mudar a fórmula que funciona desde 2003, porém ainda penso que analisar juntar o útil ao agradável, ou seja, juntar os pontos corridos com o mata-mata pode ser uma saída interessante. Diminuir a quantidade de participantes também seria uma boa, afinal temos a Copa do Brasil que segue em paralelo com o Brasileirão, inclusive prejudicando o já conturbado calendário.
Mas, vamos curtir o que temos para o momento. Faltam quatro rodadas para conhecermos o campeão, provavelmente o Cruzeiro. Hoje tem bola rolando e para muitos apenas para cumprir tabela. Destaque para o Palmeiras que recebe o já relaxado Sport na estreia de sua Arena, a tão aguardada Arena. A expectativa é que o estádio traga bons fluídos ao Verdão no restante da temporada.
Por fim, o São Paulo encara o Nacional (Col) pelas semifinais da Copa Sul-Americana. O tricolor reclama e muito do desgaste, mas espera render o bom futebol quando joga fora de seus domínios. Vamos aguardar para ver o que vai dar.
Até a próxima!