segunda-feira, 13 de julho de 2015

FINAL ANTECIPADA - Por Rodrigo Curty


O 1º turno do Brasileirão, série A está bem perto de terminar. Diferente de como começou, as equipes que surpreenderam no início, aos poucos se encontram na posição esperada com exceção do Sport Recife, que de fato faz uma bela campanha e com méritos. O único problema de não confiar que os pernambucanos, que, diga-se de passagem, é muito bem dirigido por Eduardo Baptista, permanecerão no grupo da libertadores no ano que vem,  é o fato de restarem ainda muitos jogos e a falta de um elenco homogêneo. Claro que isso pode mudar.
Na próxima rodada, a de número 14, terá o duelo entre Corinthians e Atlético MG que promete fortes emoções e será a primeira do torneio com cara de final. O Timão com 26 pontos provou de vez que se recuperou das perdas importantes no elenco. É um time muito forte do meio para frente e que não leva gols. Até aqui foram apenas oito sofridos. O Galo, por sua vez é o líder com 29 pontos e tem o melhor ataque e um esquema de jogo muito interessante. Os mineiros já marcaram 28 gols na competição. Olho neles!
E não podemos nos esquecer de Fluminense, Grêmio e São Paulo. O tricolor carioca segue imbatível. Venceu quatro das últimas cinco partidas e é o vice-líder. Faz na próxima rodada o clássico contra o desesperado Vasco e tem tudo para terminar na liderança pela primeira vez. O Grêmio encara o lamentável e preocupante Flamengo, que terá o retorno da dupla Sheik e Guerrero.  Jogo bom para somar pontos fora de casa. O mesmo serve para o São Paulo que vem de duas vitórias seguidas, após um momento conturbado no clube. O desafio a seguir é o Sport fora. Jogo bom para saber se o time, de fato está preparado para se aproximar da liderança e ter uma regularidade.
O Palmeiras segue embalado. Apesar do empate contra o Sport, mesmo estando na frente até os minutos finais, a certeza é de que o time com Marcelo Oliveira é outro.  Se a zaga ainda assusta e conta com os milagres de Fernando Prass, o ataque consegue resolver na frente.  O próximo adversário será o regular Santos. Deve vencer sem muita dificuldade, mas é bom se atentar para o ataque do Peixe.
Na parte intermediária, Atlético Pr, Chapecoense, Ponte Preta , Cruzeiro, Internacional e Avaí fazem jogos entre si e que valem então o chamado “seis pontos”. Quem vencer respira, quem perder pode em breve entrar na zona de degola.
E por falar nela, o destaque será para o duelo entre Coritiba e Figueirense. Para o Coxa será vencer ou vencer para sair da situação atual. O Joinville recebe a decadente Ponte Preta e espera se aproximar da salvação. Será? Vamos aguardar.
Até a próxima!