quinta-feira, 15 de outubro de 2015

GALO ENCOSTA E SANTOS SEGUE FIRME NO G4 - Por Rodrigo Curty


E a 30ª rodada do Brasileirão foi péssima para as equipes que buscam um lugar no G4. Internacional, Palmeiras, Flamengo e São Paulo perderam seus jogos. Por outro lado, Sport, Ponte Preta e Fluminense venceram e reascenderam o sonho de disputar à Libertadores em 2016.
O campeonato ainda está aberto nas duas pontas. Na parte de cima, o Atlético MG fez a sua parte na busca pelo líder Corinthians. A vitória sobre o Colorado por 2x1 foi bastante comemorada, afinal o time voltou a diminuir a diferença para dois pontos. Hoje os atleticanos torcem por uma “zebra” na Arena de Itaquera. Dificilmente o Goiás conseguirá segurar o Timão, mas o futebol às vezes prega algumas peças inesperadas.
O Flamengo mais uma vez ficou devendo um bom futebol. Desorganizado e falhando nas conclusões, o rubro-negro foi derrotado por 3x0 para o Figueirense que saiu da degola e mereceu o triunfo. Segue à sina de não vencer os alvinegros. A sequência será complicada, assim é bom não vacilar para não sofrer na reta final.
Já o Palmeiras recebeu a Ponte Preta e se deu mal. A derrota por 1x0, em pênalti polêmico, trouxe um mal estar pelos lados do Verdão. A torcida cobra melhores resultados por todo investimento feito e já questiona o trabalho de Marcelo Oliveira. Na Macaca a história é outra. Invicto há seis rodadas, o time definitivamente voltou a incomodar, principalmente por ser bem organizado e possuir um elenco interessante. Pode surpreender ainda mais.
O mesmo serve para o Sport que passou pelo Avaí. A vitória de 3x0 aumentou a esperança de Paulo Roberto Falcão e cia em subir ainda mais na tabela. Será que dá? É aguardar para ver.
O São Paulo bem que tentou. Jogou relativamente bem contra o tricolor carioca, mas pecou nas finalizações e defensivamente. A crise vivida nos últimos dias não atrapalhou a equipe, agora dirigida por Doriva. O problema maior é que o time não transmite confiança ao torcedor. A derrota de 2x0 deixou isso claro. A limitação técnica terá que ser superada, pois o sonho de conquistar pela primeira vez à Copa do Brasil virou obrigação.

Outro que vacilou foi o Atlético PR. O Furacão definitivamente não consegue retomar a regularidade. Vencia o Cruzeiro até o finalzinho, mas cedeu o empate ao Cruzeiro. O empate em 2x2 foi péssimo para ambos.

Na parte dos que brigam pela sobrevivência, outro catarinense segue acreditando. O Joinville passou pelo Coritiba por 3x1, que pode reclamar com razão da arbitragem. O pênalti marcado e o segundo gol, ao meu ver foram equivocados. O Coxa Branca deve sofrer até o final.

Hoje a bola rola para mais três partidas. O Santos que dormiu e continuará no G4 vai encarar o Grêmio, em Porto Alegre. O time de Dorival Jr deve ir para cima do tricolor, que por sua vez quer se manter no terceiro lugar e, quem sabe conseguir voos maiores até o final do torneio. Promessa de grande jogo. Arrisco o empate.

O Vasco recebe o Chapecoense em busca de ficar próximo da salvação. O Cruz-maltino tem tudo para conseguir a proeza, antes considerada impossível, mas é bom não vacilar. Acredito que some os três importantes pontos.

Por fim, o líder Corinthians terá pela frente o Goiás que jogará para matar ou morrer. O Esmeraldino promete surpreender, mas sinceramente, dificilmente os comandados de Tite vacilam.
Até a próxima!