segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

FLAMENGO É TRICAMPEÃO DA COPINHA - Por Rodrigo Curty


E lá se foi mais uma Copa SP de futebol JR. Para muitos, trata-se apenas de um torneio inchado de clubes e com formato errado.  De certa forma, esse pensamento não está errado, mas para a maioria dos clubes que realmente precisam focar em sua base, o torneio tem outra dimensão.
Nessa edição, o Corinthians mais uma vez foi o finalista. O Timão, aliás, é o maior vencedor com nove conquistas. A décima ficou bem perto de acontecer, mas do outro lado tinha um impressionante Flamengo.
 O clube carioca possui duas taças da competição – 1990 e 2011. Essa era sua terceira final. Chegou invicto com seis vitórias e dois empates. O Rubro-Negro tem no elenco alguns nomes, como por exemplo: Ronaldo, Lucas Paquetá Matheus Sávio e Felipe Vizeu. Não só o quarteto, mas outros que foram bem podem e devem ser aproveitados por Muricy Ramalho na equipe principal.
Na matinê do Pacaembu, os presentes viram um grande duelo entre as equipes de maior torcida do país. O Corinthians começou sendo pressionado e, em seguida provou porque sempre chega às decisões nas divisões inferiores. Fez 2x0 e parecia que golearia, mas só parecia, pois os comandados do técnico Zé Ricardo souberam controlar o emocional e não se abalaram.
A segunda etapa o Mengão provou sua força. Fez três gols em apenas 8’, sendo que o primeiro no 1’, que foi anulado equivocadamente. O 2x2 assustou os corintianos que não conseguiram equilibrar o jogo e no fim tiveram que decidir a sorte ou competência na marca da Cal.
Os cariocas foram melhores e venceram por 4x3. O goleio Thiago, novamente foi o grande destaque. Perdeu sua penalidade, mas defendeu a bola do título. O tricampeonato foi bastante comemorado. Vitória justa de quem sempre acreditou que cresceria no decorrer da competição e que teve frieza para suportar as adversidades. Uma prova de que o clube trabalha bem as pratas-da-casa e usa bem de seus jogadores "fatiados" com grupos ou empresários.
Parabéns ao trabalho de base das duas equipes. A torcida agora é para que as “joias” brilhem na equipe de cima e que, em caso de sondagem, a multa rescisória seja bem alta.
Até a próxima!