quinta-feira, 14 de abril de 2016

SANTOS SEMPRE SANTOS - Por Rodrigo Curty

E nesse dia 14/04/2016, um dos clubes mais tradicionais e vitoriosos do mundo completa mais um ano de vida. Há exatos 104 anos, uma reunião histórica, entre os considerados sócios-torcedores, ocorrida, na sede do Clube Concórdia, na antiga rua do Rosário, 18 (hoje rua João Pessoa, 8/10) na parte superior da padaria A Suíssa, fundaram o Santos Foot-Ball Clube.
O nome foi sugerido por Edmundo Jorge de Araújo e as cores dos uniformes, antes no tom azul, branco e ouro, por Sizino Patusca.
O time praiano apenas se tornou alvinegro no ano seguinte, antes do primeiro ano de vida. A sugestão pela mudança foi de Paulo Peluccio. Assim, ficou eternizado o calção branco e camisa listrada de branco e preto. 
Foram muitas e muitas glórias desse grandioso clube que teve como o primeiro presidente, o sr.  Flamínio Levy.
O estádio da Vila Belmiro, desde 1933, leva o nome de Urbano Vilella Caldeira Filho - ex-atleta(goleiro), técnico e dirigente do Santos. Um de muitos homens que dedicaram praticamente a vida ao time de coração. Uma justa homenagem.
O Santos conquistou seu primeiro título importante em 1913 - campeonato santista. Em 1915 repetiu a dose, e jogava com o apelido de “União Futebol Clube".
Essa uma grande curiosidade: Em 1927 o clube tinha um ataque avassalador no campeonato paulista, que até hoje não foi superado - Uma média de 6,25 gols por partida e que ficou eternizado como o time do “Ataque dos 100 gols”. Ataque esse que era formado por Omar, Camarão, Feitiço, Araken e Evangelista.
O primeiro Paulistão veio em 1935. Mas foi a partir de 1958, quando surgiu na Vila, o Rei do futebol, que o Santos ganhou de vez o cenário mundial.
A chamada “Década de Ouro’, praticamente não tinha adversário. Conquistou o mundo duas vezes,  campeonatos nacionais, estaduais, encantava e foi para muitos o segundo time de coração.
É um clube que sempre revelou craques para o futebol. A cada nova geração, sempre terão os "meninos da Vila". Considerado como Octocampeão Brasileiro (1961 a 1965, 1968, 2002 e 2004), o Peixe também conta com uma Copa do Brasil, ( 21 conquistas estaduais e três conquistas da Taça Libertadores da América e dois Mundiais Interclubes.
Parabéns a esse grande clube brasileiro.
Até a próxima!