quinta-feira, 7 de julho de 2016

INDEPENDIENTE DEL VALE CALA O BOCA NA LIBERTADORES - Por Rodrigo Curty

E a Libertadores da América segue surpreendendo. Depois do São Paulo ser derrotado, em pleno Morumbi para o Atlético Nacional (Col), desta vez foi o Boca Juniors o derrotado.
É bem verdade que o adversário, o bom time do Independiente del Valle (EQU) provou que não chegou até aqui à toa.
Apesar de ter sofrido uma pressão no início para o "copeiro" time argentino e sair atrás no placar, bastou passar o ímpeto para os torcedores presente no Estádio Olímpico Atahualpa, em Quito, irem a loucura com os gols de Bryan Cabezas e Jose Angulo. 
A partida foi bem equilibrada e com momentos de pressão alternados para os dois lados. Após a virada, depois de desperdiçar chances claras de gol, os equatorianos chamaram o Boca e só não levaram o empate porque não era dia de Tévez e Lodeiro. 

A partida de volta, na semana que vem deve ser eletrizante. La Bombonera vai tremer. Basta uma vitória simples, uma vez que marcou fora de casa, para o hexacampeão chegar a mais uma decisão.
Eu, como de costume, não fico em cima do muro. Continuo cravando o Independiente como sério candidato ao título. Perdeu apenas três partidas e faz bem a lição de casa. Por jogar para frente, deve no mínimo fazer um gol na Argentina e passar nem que seja nas penalidades. 
Outro ponto importante a ser analisado é que o Boca Jrs joga e deixa jogar, e isso poderá determinar a sua desclassificação. Desta forma, o La Máquina del Valle tem tudo para repetir o feito dos também desacreditados na época - San Lorenzo, LDU (Equ) e Once Caldas(Col) Será? É aguardar para ver. 
Até a próxima!