quarta-feira, 31 de agosto de 2016

FLAMENGO VENCE, CONVENCE E AVANÇA NA SUL-AMERICANA - Por Rodrigo Curty

E a noite de 31/08/2016 não será esquecida tão cedo para os rubro-negros. O Flamengo recebeu o Figueirense, no estádio Kleber Andrade, no Espírito Santo, pela Copa Sul-Americana e provou que também pode superar as adversidades.
O time catarinense até então era uma pedra no sapato do time carioca. Se não bastasse ter vencido na partida de ida pelo placar de 4x2, nessa noite o alvinegro saiu na frente com um velho conhecido do Flamengo - Rafael Silva, que mais tarde acabaria expulso (quando estava 2x1), por entrada duríssima em Jorge e por já ter o amarelo.
O gol fez com que o torcedor, em algum momento, pensasse que mais uma vez, a equipe seria eliminada na temporada de forma precoce. Só que ao invés disso, a experiência, qualidade técnica, principalmente no meio-campo mudou em instantes o cenário do duelo. Com dois belos gols - Everton e do lateral Jorge, o clube da Gávea que já deveria estar na frente e foi parado por Gatito Fernandez enlouqueceu os presentes.
A partir daí o Figueirense com um jogador a menos só conseguiu se organizar melhor na segunda etapa. Aos poucos foi fechando as alternativas de espaços nas pontas. O tempo ia passando e o nervosismo de ambos os lados aumentando. Só que a qualidade individual, insistência e organização sem ansiedade do Flamengo deu resultado antes dos 30', em mais um golaço, desta vez, do contestado e "iluminado" Fernandinho. O ponta fez bela jogada e em dribles curtos, soltou a bomba que caprichosamente, ainda bateu no travessão, antes de estufar as redes. 
Ao todo, o Flamengo chutou 28 vezes, sendo destas 12 chances reais de gol. Final um 3x1 alcançado e os agradecimentos a Marcelo Cirino, autor do segundo gol em Florianópolis. 
Daqui para frente, a expectativa da Nação é para que o time tenha maior regularidade. Hoje os contestados mais uma vez resolveram - Pará, Márcio Araújo, Everton e Fernandinho. Já a dupla Diego e Damião se entregaram demais e ajudaram no equilíbrio tático. 

Olho no Flamengo que verdadeiramente tem potencial e possibilidade de beliscar um título importante no ano. Para isso, porém, deverá manter a humildade, união do grupo, os pés no chão e principalmente, aproveitar das chances criadas nas partidas. 
É aguardar para ver. Até a próxima!