segunda-feira, 3 de julho de 2017

11ª RODADA DO BRASILEIRÃO - Por Rodrigo Curty

E lá se foi mais uma rodada do brasileirão, série A. Desta vez, a maioria dos mandantes não perdeu, porém empataram em cinco oportunidades contra os visitantes. Aos poucos, as equipes que eram tidas como favoritas ao título no final do ano, rendem o esperado.
No sábado foi assim. Duas das principais equipes do certame, infelizmente tiveram que jogar com suas equipes reservas. Melhor para o Palmeiras que alcançou a quarta vitória seguida e subiu na tabela. O Grêmio se manteve na vice-liderança e agora foca na Libertadores. O Santos não saiu do empate em 1x1 com o lanterna Atlético GO. De negativo mesmo foi a lesão no ligamento do joelho de Victor Bueno. O meia-atacante só retorna no ano que vem. Boa sorte!
O Botafogo bem que tentou parar o Corinthians. Só que o líder isolado venceu por 1x0, gol de Jô. O time segue como grande favorito ao título. Apesar da regularidade, entrosamento e força em casa, ainda acredito que seja muito cedo para cravar o campeão.
Já Flamengo e Atlético MG mostraram bom futebol contra São Paulo e Cruzeiro, respectivamente. O rubro-negro passou pelo tricolor por 2x0, chegou a terceira posição e, de quebra, colaborou na demissão de Rogério Ceni. Já a Raposa levou a virada em tarde inspirada de Fred. Mano Menezes, queira ou não balança no comando. Bastará cair na partida de volta das quartas da Copa do Brasil contra o Palmeiras.
Outro rubro-negro que foi bem foi o Sport. O campeão pernambucano conquistou a segunda vitória seguida e sonha alto. Vitória de 1x0 sobre o Atlético PR, que deve se atentar. Vanderlei Luxemburgo acredita no planejamento para calar os críticos. Quem não consegue sair do lugar é a dupla Ba-Vi. Empate sem gols e muito trabalho pela frente.
O mesmo serve para Avaí e Coritiba. O primeiro, em casa não conseguiu passar pela Ponte Preta. O segundo virou para cima do Vasco, e no apagar das luzes, cedeu o empate com sabor de derrota.
Hoje a noite, quem sentiu esse sabor foi a Chapecoense. O time catarinense foi melhor que o Fluminense e no fim, acabou castigado. 3 x 3 que custará a demissão de Vagner Mancini.
Pode anotar e até a próxima!