segunda-feira, 31 de maio de 2010

OS QUATRO FANTÁSTICOS - Por Rodrigo Curty

E o Campeonato Brasileiro, série A segue com surpresas. Faltam apenas duas rodadas até a paralização para a Copa do Mundo, na África do Sul, e times tradicionais como Flamengo, Cruzeiro, Vasco, Internacional, São Paulo, entre outros estão fora do G4.

Na verdade o problema não é ficar de fora, mas o futebol que foi apresentado por estas equipes nas cinco primeiras rodadas. Vamos aos detalhes.

No Rio de Janeiro, o Flamengo ganhou apenas cinco dos doze pontos disputados no Maracanã. O time mostra deficiência no meio, e os mesmos problemas vividos na defesa. Agora com Zico como gestor de futebol, as coisas devem mudar, mas desde que a equipe demonstre interesse. O rival Vasco mostra que precisa e muito de um elenco competitivo, pois falta um meio de campo criativo, independente da ausência de Carlos Alberto, uma defesa mais equilibrada e opções no ataque. Já a dupla Botafogo e Fluminense melhor para o tricolor que se encontra entre os quatro melhores. O Glorioso que já foi líder precisa de mais opções para se manter na elite.

Em Minas, o Cruzeiro decepciona desde sua eliminação da Copa Libertadores. Parece que querem tirar Adilson Batista do comando. Já o Atlético MG perde pontos importantes em casa, e isso pode custar caro lá na frente. Luxemburgo tem dificuldades para manter o tal planejamento.

No Sul, o Internacional é outro depois da queda de Jorge Fossati. O time tem mais disposição, menos reclamação e união. Será que o problema era mesmo o uruguaio? O Grêmio, de Silas vai bem e vem numa crescente. É bom ficar esperto com eles.

Já em São Paulo, o Corinthians segue tranquilo na liderança com 13 pontos independente dos que acreditam que isso se dê graças a arbitragem. Destaque para o Guarani que com seis pontos deixa para trás equipes tradicionais. São Paulo e Palmeiras perdem pontos bobos e isso pode fazer falta na frente. O mesmo pode se dizer do Santos, mas este porém tem um padrão de jogo melhor definido, basta saber se terá maturidade para aguentar as derrotas marcantes como a de ontem contra o Timão.

Em relação ao Goiás, Atlético PR e Vitória o ano pode terminar bem diferente do planejado, já para o Avaí e Prudente as chances são enormes para a Copa Sulamericana no ano que vem.
Vamos aguardar para ver quem serão os quatro fantásticos e as decepções antes e depois da Copa neste que é o Campeonato mais equilibrado do Mundo.