segunda-feira, 9 de agosto de 2010

BRASILEIRÃO DE SURPRESAS - Por Rodrigo Curty

O Campeonato Brasileiro, Série A, segue com tudo e com algumas surpresas. A 13ª rodada, por exemplo, manteve equipes tradicionais como Atlético MG e Grêmio na zona de degola, e outras como São Paulo, Flamengo e Palmeiras novamente sem triunfar. Pode apostar isso deve mudar a partir de setembro, mas é bom não contar apenas com a sorte.

No sábado, Maicosuel mostrou que pode ser muito últil ao Botafogo de Joel Santana. Passeio de 3x0 sobre o Galo, que insiste em manter o "projeto" Luxemburgo. O Avaí que era até então uam sensação levou uma sonora goleada de 4x1 para o Guarani.

No domingo foi a vez da liderança do Fluminense ser mantida. O tricolor de Muricy Ramalho segue imbatível e determinado para chegar ao tão sonhado bicampeonato brasileiro, e detalhe não para de se reforçar. O outro tricolor, por sua vez, demitiu Silas após a derrota de 2x1. A equipe não ajuda e quem paga é o treinador, mas tudo bem, pois a tendência é que sempre seja assim. Na cola do tricolor carioca está o Corinthians que no Pacaembú faz realmente a diferença. Desta vez, o derrotado foi o Flamengo. 1x0 que saiu barato e quase injustiçado pelas magiasa do futebol. Sorte que no atual campeão falta finalizador e jogador técnico.

O Ceará empatou em casa contra o lanterna Atlético GO, e após a saída de PC Gusmão, vitória do Vovô nunca mais. Quem paga este preço é Estevam Soares que foi demitido mesmo com o time no G4. Coisas do futebol. O Palmeiras de Felipão segue sem vencer e convencer. O Verdão derrotava o Esmeraldino, mas no fim, de forma justa, pois era pressionado cedeu o empate em 1x1, graças a lambança de Deola e Marcos Assunção que marcou contra.

O São Paulo também é outro irreconhecível. Eliminado nas semifinais da Libertadores para o Internacional o foco virou o Brasileirão. Vencia o Atlético PR por 1x0, mas quando parecia que quebraria um tabu de vencer na Arena da Baixada veio a ducha de água fria no gol de Maikon Leite. Abre o olho tricolor. Outro que deve ficar esperto é o Cruzeiro. O bom time de Cuca não se acertou e ficou no empate sem gols contra o chato e perigoso Grêmio Prudente.

E o Vitória? A equipe baiana parece ter realmente sentido a perda do título da Copa do Brasil para o Santos. Foi até São Januário e viu o Vasco mostrar serviço e jogar o suficiente para conseguir três importantes pontos. 1x0 que coloca o cruzmaltino na 11ª posição com 17 pontos. Para quem lutava pra cair há duas rodada é um grande negócio.

Santos e Internacional foi adiado, por causa da final da Libertadores onde o Colorado medirá forças contra o Chivas, do México. Depois eu conto.

Até a próxima!!