segunda-feira, 5 de setembro de 2011

FOGÃO NA COLA - Por Rodrigo Curty

E nesta segunda rodada do returno do campeonato brasileiro, série A, quem sorriu foi o torcedor do Botafogo. O Glorioso que teve a sua partida contra o Santos adiado, em virtude do amistoso da Seleção Brasileira contra Gana nesta tarde agora sonha bem alto.


O destaque da rodada também foi dos tricolores. O desfigurado São Paulo levou a melhor sobre o Figueirense. Agora mais do que nunca vai precisar ser forte também em casa para buscar a taça. O Fluminense foi um time de "guerreiros". Perdia por 2x0 para o Atlético GO, desperdiçou penâlti, mas triunfou, graças aos seus Rafael. O Moura e o Sóbis, autor de dois gols.


Ontem foi a vez do tricolor gaúcho tirar a barrida da miséria. O Grêmio goleou o Atlético PR por 4x0 com três gols de André Lima. Isso sem falar do Bahia, mas conto a seguir.


Antes, retrato a parte de cima da tabela. O Corinthianse não para de oscilar, mas como os adversários também vacilam, o Timão se mantém na liderança. Desta vez, o algoz foi o Coritiba (1x0). É bem verdade que os comandados de Tite foram bem, mas a fase não ajuda. Ressalto que a sorte uma hora acaba.


O Palmeiras, por sua vez, decepcionou. A partida foi terrível contra o Cruzeiro. Empate por 1x1 e penâlti perdido por Marcos Assunção nos acréscimos. Que fase do Verdão.


Fase esta que não é pior do que a do Flamengo. O rubro-negro nãop vence há seis partidas. Ontem mais uma derrora vergonhosa no Engenhão. 3x1 para o Bahia, que também não vencia a cinco jogos. Pressão em Luxa e dependência clara em R10. E no rival Vasco? O Cruzmaltino esteve irreconhecível, e o América MG com muiata vontade. Assim conquistou a goleada por 4x1 e deixou claro que a zaga precisa da qualidade de Dedé. Isso sem falar que Anderson Martins fará muita falta. Renato Silva não deve resolver.


O campeonato segue com algumas incógnitas e surpresas. O Atlético MG, por exemplo venceu duas seguidas, o Internacional não embala e o Santos só folga. Assim, em quem você apostaria pra levar o título, participar da Libertadores e jogar a Série B, em 2012? Melhor deixar rolar o campeonato e arriscar nas últimas duas rodadas. Viva o futebol brasileiro.


Até a próxima!