quinta-feira, 30 de agosto de 2012

LÍDER APESAR DE TROPEÇO - Por Rodrigo Curty

E foi dada a largada do segundo turno do Brasileirão. A noite foi de muitas surpresas e decepções de mandantes, e muitos gols. Vamos aos jogos e análises.
O Santos que vinha embalado foi surpreendido e levou a virada do Bahia. 3x1, fora o baile. O tricolor de aço respira, mas falta muita coisa pra comemorar a permanência. O mesmo serve para a Portuguesa. A Lusa atropelou o Palmeiras, que definitivamente não consegue arrumar forças para sair da degola. Assim é também a situação do Atlético GO. O Dragão foi derrotado em casa por 1x0 para o regular Cruzeiro. Quem foi bem foi o Coritiba. No Couto Pereira, o Coxa fez o básico e passou pelo bom time do Internacional por 1x0.
O melhor jogo da rodada foi entre Náutico e Figueirense. O lanterna vencia por 2x0, mas a força do Timbu se fez presente e veio a virada heroica. 3x2 e subida na tabela.
Já o Atlético MG. Bem, o líder do campeonato tropeçou mais uma vez. Cedeu o empate por 2x2 contra a valente Ponte Preta que teve em Edson Bastos um paredão. Será que o Galo vai começar a cair na tabela? Cedo pra afirmar, mas as chances do emocional pesar são grandes. Na próxima rodada a liderança poderá ser perdida. Ontem não foi porque o Fluminense vacilou. Longe de ter uma boa atuação, o tricolor carioca correu atrás e conseguiu um empate de 1x1 contra o Corinthians. Resultado ruim se considerar o fator “casa”, mas que pelo elenco que tem não será tão sentido.
O mesmo não serve para o Vasco que só perde. O algoz do Cruzmaltino na rodada foi o Grêmio. O tricolor gaúcho vai dar trabalho, e Luxa aos poucos retoma aos poucos o respeito como treinador.
Hoje a bola rola para mais duas partidas. O Flamengo recebe o Sport Recife, enquanto o Botafogo visita o empolgado São Paulo. Dois bons jogos para acompanhar.
Até a próxima!