segunda-feira, 13 de maio de 2013

ALEGRIA, PREOCUPAÇÃO E CERTEZA - Por Rodrigo Curty

E o final de semana foi maravilhoso para muitas equipes. Com a reta final dos estaduais, o título alegra, preocupa e nos mostra cada vez mais certeza em como deverá ser o restante da temporada.
Começamos com os campeões.
Em Pernambuco, o Santa Cruz chegou ao tricampeonato de forma justa e com propriedade. Derrotou o rival Sport nas duas partidas(1x0 e 2x0). Parabéns ao Coral. O Sport precisa se reinventar, caso contrário trará mais decepção ao seu fanático torcedor.
Em Curitiba, o meia Alex foi o destaque na vitória de virada do Coritiba sobre o Atlético PR. O meia marcou dois gols e levantou o estadual pela primeira vez. Não é errado pensar que o Furacão deva problemas no nacional.
Agora as equipes que se deram bem na primeira partida da decisão e outras que podem ser surpreendidas.
Em Santa Catarina, o Criciuma fez bem a sua parte e passou pelo Chapecoense. 2x0. O Tigre espera manter a pegada para fazer bonito no Brasileirão. O Heriberto Hulse será fundamental.
E o Bahia? Pois é, definitivamente não é um bom negócio para o tricolor encarar o Vitória. O rubro-negro humilhou mais uma vez o rival. Desta vez a goleada com direito a quatro gols de Dinei foi por sonoros 7x3. Joel Santana caiu e com ele sua prancheta. No Barradão nem com macumba forte para reverter este placar.
O mesmo pode se dizer no clássico mineiro. O Atlético MG manteve a boa fase e atropelou o rival Cruzeiro por 3x0, fora o baile. É possível a Raposa devolver o placar no Mineirão, mas do jeito que as coisas andam para o lado do Galo, se bobear vem mais uma vitória na finalissíma.
Já em São Paulo, o Corinthians passou pelo Santos 2x1. O Timão poderia vencer por um placar elástico, principalmente pelo que fez na primeira etapa. O Peixe não viu a cor da bola e contou com uma boa atuação do goleiro Rafael e a sorte para tentar reverter na segunda etapa. Neymar mais uma vez ficou devendo, porém com a notícia de sua saída, após a Copa das Confederações, não me surpreenderei se arrebentar na partida de volta da Vila. Creio em pelo menos uma decisão nas penalidades, apesar de entender que o Corinthians é muito bem dirigido e calmo nas horas decisivas. Promessa de grande jogo. É aguardar para ver.
Até a próxima!