terça-feira, 23 de maio de 2017

SÃO PAULO VENCE E NÃO CONVENCE - Por Rodrigo Curty

E finalmente para a torcida são-paulina, o São Paulo voltou a vencer uma partida. Depois de três jogos sem obter sucesso, pressões, críticas e especulações, o tricolor passou por cima do esforçado Avaí, em partida válida pela segunda rodada do brasileirão.
O Morumbi esteve vazio, frio e apreensivo antes da partida. O time da fé não podia pensar em outra coisa que não a vitória, custe o que custar. E olha que o primeiro lance de perigo foi dos catarinenses. Após uma furada bisonha de Rodrigo Caio, Marquinhos isolou a bola por cima do gol de Renan Ribeiro. Logo na sequência veio a tranquilidade com o gol do argentino Lucas Pratto.
A partida foi bem disputada e sem grandes emoções. O Avaí, em algum momentos até poderia ter empatado, mas a falta de técnica ficou à desejar. O time de Claudinei Oliveira vai sofrer para permanecer na elite em 2018.
No fim, quando todos já imaginavam a vitória sofrida e magra do São Paulo, ainda puderam vibrar com o gol na insistência do atacante Luiz Araújo. esse é o garoto da confiança de Rogério Ceni.
Os três pontos sem dúvida resgata um momento de paz no time paulista, que não vencia em casa há quase um mês e meio, porém no sábado, a torcida espera de vez comemorar uma sequência de bons resultados. Encarar o Palmeiras pode ser uma ótima, desde que vença, caso contrário, a luz vermelha voltará à acender. 
Vamos aguardar para ver como estará o São Paulo em campo. A formação tática, agradou com Cícero e Jucilei na contenção, mas ainda falta criatividade no meio para a bola chegar mais facilmente ao matador argentino. Dor de cabeça para Ceni arrumar a equipe e afastar também a síndrome de não vencer o time palestrino. É preciso muita coisa para o tricolor ganhar o respeito dos adversários.
A promessa é de grande jogo, principalmente, por ainda não sabermos como chegará o time de Cuca, afinal, amanhã tem a Libertadores pela frente e a necessidade de classificação às oitavas de final.
Até a próxima!