quinta-feira, 5 de setembro de 2013

O DISPARO DA RAPOSA - Por Rodrigo Curty


E a 18ª rodada do Brasileirão foi espetacular para a maioria dos desesperados, e importante para quem luta pelas primeiras colocações. Destaque da rodada foi o fato de definitivamente ninguém segurar o Cruzeiro, o Atlético PR alcançar o segundo lugar e o Santos ter perdido a invencibilidade. Vamos aos detalhes.
No Maracanã, o Flamengo finalmente para sua torcida voltou a vencer. Independente da condição técnica da equipe não ser espetacular, a união torcida e estádio fazem a diferença. O triunfo de 2x1, com dois gols do reserva Hernane contra o também desesperado Vitória foi importante para dar moral, pois a tranquilidade ainda está longe. O mesmo serve para o rubro-negro baiano que dará muito trabalho a Ney Franco.
Em Curitiba, o Atlético PR mostrou sua força e mesmo com menos posse de bola do que o Santos foi mais objetivo e chegou a 11ª partida sem perder. Vagner Mancini faz excelente trabalho e a questão que fica é se esse fôlego será mantido na segunda fase do torneio. 2x1 no placar significou a vice-liderança que somente será perdida, em caso de vitória do Botafogo por 3x0 nesta noite contra o Coritiba.
Já a Portuguesa fez a sua parte para seguir firme na Elite. Passou pela decadente Ponte Preta, no Canindé. Vitória de 2x1 e um bom futebol. Apesar de se manter na zona de degola, o empate entre Atlético MG e Fluminense por 2x2 não aumentou a distância para tentar fugir nas próximas rodadas.
Tanto o Galo como o tricolor carioca não vão bem. Com um plantel rico e de opções, ambas as equipes não conseguem emplacar uma série de vitórias e vivem assombrados pelo fantasma do rebaixamento. De qualquer maneira, acredito que no decorrer das rodadas isso mude de cenário.
O mesmo pode-se dizer do Internacional. Os comandados de Dunga passaram pelo Corinthians na fria Novo Hamburgo. Vitória magra de 1x0, porém importante para chegar ao 6º lugar e colar no próprio clube paulista. O Colorado é regular, mas apesar de não perder no torneio, sabe que é preciso parar de empatar tanto para chegar ao seu objetivo, que é o título.
E por falar em título, o Cruzeiro é sim um sério candidato ao troféu. Apesar de não ser considerado um esquadrão, o conjunto, união e principalmente por conquistar pontos fora de casa como ontem contra o Bahia, na vitória de 3x1, deve ser levada em consideração. Isso sem falar que na Arena Mineirão o time segue invicto e destemido.Não é à toa que a Raposa já abriu quatro pontos do segundo colocado.
Hoje a 18ª rodada será fechada com três partidas: Náutico x Vasco, Botafogo x Coritiba e o ascendente São Paulo que após a bela vitória de 1x0 sobre o Naútico recebe o Criciúma, no Morumbi.
Amanhã eu conto. Até a próxima!